Friday, February 06, 2009

N vale a pena

invariavelmente, n servimos para nada. Por isso, nasces, divertes-te, marcas o mundo, e morres. Não há sentido qualquer para a vida, n estás ca para nada, vives um bocado e acabou. N há Deus nem recompensa divina por quer que seja, Nunca serás mais que o q chegas-te a ser aos 16 anos, morremos todos uns putos com a fachada de homens, numa qualquer luta para parecer melhor e mais que o jovem do lado. Isto para nada. Para nada.

1 comments:

kiten said...

não estarás a ser um pouco pessimista a mais? quer eu n te conheço, não sei o porque de dizeres estas coisas.
mas acho que todos nós vivemos, e viver em si já é acto que vale a pena, e todos nós mudamos, desde os nosso 16 anos até aos 50. por isso essa tua maneira de ver as coisas tb irá mudar. espero eu.
apenas uma admiradora*